Policial

Giro policial 13/06

Acidente ocorreu em trevo onde tráfego é intenso e a visão dos motoristas é comprometida (Foto: Fábio Donegá)

O trevo que é palco de diversos acidentes foi cenário de mais uma batida que por pouco não terminou em tragédia na tarde de ontem, em Cascavel. Foi na BR-277, no Trevo da Portal, que dá acesso ao Bairro Cascavel Velho.

O motorista de um Uno pensou que daria tempo de atravessar o trevo e acabou sendo atingido por um caminhão, que seguia pela BR-277. Pedaços do carro ficaram espalhados no chão e o Uno ficou parcialmente destruído.

O motorista do carro não ficou ferido. Os outros dois ocupantes tiveram ferimentos moderados e foram atendidos pelos socorristas da Ecocataratas e do Siate e foram levados para assistência hospitalar sem risco de morte. O motorista do caminhão também não se feriu.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) também atendeu a ocorrência e bloqueou uma parte da rodovia para que as vítimas fossem socorridas. Por conta disso, os veículos precisaram desviar para a marginal e houve um longo trecho de congestionamento e carros e de caminhões.

 

88 kg de maconha

Foi nas primeiras horas do dia que a Polícia Rodoviária Estadual apreendeu, em Cascavel, 88 kg de maconha.  A apreensão ocorreu na PR-180, no KM 386, a um veículo que transitava de Cascavel a Juvinópolis. A polícia deu ordem de parada ao motorista, que não obedeceu e fugiu, e abandonou o carro aproximadamente três quilômetros do local da abordagem. Dentro do carro, estavam duas malas e uma mochila contendo maconha. O veículo e a droga foram recolhidos pela polícia.

 

Acidente investigado

A Polícia Civil de Cascavel investiga o acidente registrado no último sábado, dia 9, que vitimou fatalmente Michele Fernanda Correia, 31 anos, no Bairro Santo Onofre em Cascavel. O condutor do carro que bateu na jovem fugiu do local do acidente, mas já se apresentou para a polícia. Wagner Pereira da Costa, 23 anos, negou estar alcoolizado, mas disse que fugiu do local do acidente por não ter CNH. Ele será

 

Júri remarcado

O julgamento de Henrique Ressel, acusado de homicídio, que estava marcado para ontem, foi remarcado para 19 de julho. Isso porque, de acordo com informações da 1ª Vara Criminal, houve um equívoco na habilitação do advogado de defesa, e por isso do adiamento. Henrique está preso pelo homicídio de Fernando Menuci, ocorrido no dia 20 de junho de 2015. Ele matou a vítima com disparos de arma de fogo e foi preso pelo crime.

 

Idoso atropelado

Um idoso, de 72 anos, ficou ferido em um acidente que ocorreu na tarde de ontem, em Cascavel.

Ele foi atropelado por um veículo que estava saindo do estacionamento de um prédio. A motorista do veículo saia de um estacionamento e não viu o pedestre, quando o acidente ocorreu.

A informação de populares é de que o homem teve um mal súbito enquanto estava atravessando a via. Ele foi atendido pelo Siate e encaminhado para a UPA Tancredo com ferimentos leves.