Policial

Giro da violência do dia 29 de novembro de 2018

(Foto: Polícia Civil)

Preso

O GDE (Grupo de Diligências Especiais) prendeu na tarde dessa quarta-feira (28) um rapaz de 25 anos que tinha mandado de prisão em aberto por revogação de benefício. Ao perceber a chegada da polícia, Lucas Clamoroska tentou fugir pulando a janela da residência, mas após perseguição foi capturado. Na casa, a polícia encontrou uma porção de 28 gramas de maconha. Lucas já possui passagens por roubo e furto e foi conduzido para a 15ª SDP, assinou termo circunstanciado pela posse de droga e colocado à disposição da Justiça.

19 salários mínimos

O proprietário da distribuidora de bebidas que foi preso em flagrante por comercializar mercadoria imprópria para o consumo na noite de terça-feira foi solto na manhã dessa quarta-feira (28). Ele pagou fiança no valor de 19 salários mínimos, o que corresponde a R$ 18.126, e vai responder em liberdade. A investigação que culminou na prisão de Anderson Luiz Bueno foi desencadeada após a polícia receber denúncias de pessoas que passaram mal depois de consumir os produtos. Muitos deles estavam vencidos ou com o prazo de validade apagado dos rótulos. O Setor de Estelionato da Polícia Civil apreendeu, na loja de Anderson, cerca de 750 garrafas de cervejas especiais vencidas avaliadas em R$ 15 mil.

Falso roubo

Uma mulher de 23 anos foi presa na noite de terça feira por falso comunicado de roubo no Bairro Coqueiral, em Cascavel. Ela procurou o 2º Pelotão da Polícia Militar e informou que havia sido roubado um veículo Renault/Oroch de cor cinza e placas QPA-5341, alugado por ela. Após cair em várias contradições, ela confessou que se tratava de um golpe e que o veículo tinha sido levado para o Paraguai para ser usado no transporte de contrabando. Ela foi encaminhada à 15ª SDP.