Agronegócio

Formação especial para o campo: curso de eSocial e leis trabalhistas

(Foto: Reprodução)

Nos meses de junho e julho, a Faep (Federação da Agricultura do Estado do Paraná) promove cinco turmas de uma formação sobre o eSocial, novo sistema eletrônico de registro, elaborado pelo governo federal para facilitar a administração de informações relacionadas aos trabalhadores e as leis trabalhistas. Os encontros são voltados a funcionários dos Sindicatos Rurais que prestam serviços de folha de pagamento aos produtores. As turmas terão até 30 alunos. O curso tem 16 horas de duração, divididas em dois dias. A iniciativa terá a participação do Departamento Jurídico da Faep e também da Receita Federal.

Neste mês de julho, os produtores rurais terão que implantar o eSocial. O sistema criado pelo governo pretende unificar o envio de informações relativas aos trabalhadores. Hoje esse envio é feito por diversos formulários e dificulta a centralização de dados. “A atualização dos Sindicatos Rurais para que possam prestar serviços de qualidade é algo fundamental para atender o que diz a lei. Essa é uma preocupação constante da Faep, que ao longo dos anos sempre tem concedido toda a assessoria necessária aos Sindicatos Rurais para seguirmos firmes no desenvolvimento de toda a cadeia produtiva”, diz o presidente da Faep, Ágide Meneguette.

De acordo com o governo federal, o eSocial vai reduzir custos e tempo da área contábil das empresas na hora de executar 15 obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas. Em uma estimativa inicial, os dados de 40 milhões de trabalhadores devem ser abrangidos, com a participação de mais de oito milhões de empresas e 80 mil escritórios de contabilidade. As empresas de maior porte já se adequaram ao novo sistema. A partir de julho, as mudanças na rotina das empresas menores, no dia a dia dos produtores rurais, envolvem o envio periódico, em meio digital, das informações para a plataforma do eSocial, dados já registrados, atualmente, em algum meio, como papel e outras plataformas online.

No entanto, com a entrada em vigor do sistema, o caminho será único. Todos esses dados, obrigatoriamente, serão enviados ao governo federal, exclusivamente, por meio do eSocial Empresas. Esses detalhes serão todos tratados no curso promovido pela Faep.

Inscrições

As inscrições precisam ser realizadas até o dia 15 de junho pelo email [email protected] Outras informações podem ser ob tidas pelo e-mail ou pelo telefone (41) 2169-7958.

Datas

20 e 21 de junho: CTA Assis Chateaubriand

25 e 26 de junho: CTA de Ibiporã

28 e 29 de junho: Mandaguaçu

4 e 5 de julho: Pato Branco

12 e 13 de julho: Curitiba

Foto: 03 esocial