Educação

Cursos da saúde recebem novos bonecos para prática real

Estudantes foram instruídos a lidar com paciente acamado e também no atendimento a um recém-nascido prematuro
Bebê ajuda alunos no aprendizado sobre prematuros (Foto: Divulgação )

Os cursos da saúde do Centro Universitário FAG receberam novos bonecos - disponíveis no Laboratório de Semiologia - para auxiliar nas aulas práticas. O investimento proporciona aos acadêmicos um contato que se aproxima à realidade com os pacientes. Na aula sobre como atender um paciente acamado, a professora Marisete Ortis, do curso de Enfermagem, mostrou as técnicas a serem aplicadas durante um banho no leito. "O objetivo dessa atividade é para que os alunos compreendam a finalidade do banho no leito, o procedimento, a técnica. Foi trazida uma reflexão em relação à humanização com o paciente. Também trabalhei com o aluno a reflexão crítica: despertar o entendimento do aluno em relação à importância desse procedimento para a evolução do tratamento do paciente", declara.

Outro boneco que chamou a atenção dos estudantes foi o "bebê prematuro". Os futuros enfermeiros aprenderam as técnicas de manuseio com um recém-nascido. "Vimos primeiro a teoria e agora podemos praticar. É muito mais simples e ficamos mais preparados. Aprendemos a dar banho no paciente e a manipulação de um recém-nascido. Esse contato com os bebês na incubadora é muito difícil, e aprendemos aqui, ainda na faculdade. Quando chegarmos no hospital vai ser muito mais fácil e, com certeza, estaremos mais preparados", relata acadêmica Jéssica Rudy.

"Os acadêmicos têm só a ganhar com esses bonecos adquiridos pela FAG. São instrumentos avançados que os levam para mais próximo da realidade. A partir do momento que eles forem atender pacientes, de verdade no hospital, estarão prontos. Os procedimentos feitos nos bonecos são os mesmos feitos nos pacientes", aponta a professora que também acompanhou a prática, Margarete dos Santos.