Esporte

Cristiano Ronaldo deixa Real Madrid e acerta com Juventus

Cristiano Ronaldo deixa o Real Madrid após nove anos na equipe espanhola (Foto: EFE)

Turim - Uma nova era começa a ser escrita a partir de agora no futebol mundial. Depois de nove anos, Cristiano Ronaldo não é mais jogador do Real Madrid. O craque português acertou, ontem, a saída do clube espanhol, que anunciou sua transferência para a Juventus, da Itália. Pouco depois, o alvinegro também confirmou a contratação.

Eleito o melhor jogador do planeta por cinco vezes (2008, 2013, 2014, 2016 e 2017), o astro já tinha acertado as bases do acordo desde junho. Pelo acordo, Cristiano Ronaldo vai receber 30 milhões de euros por ano (R$ 136 milhões/ano). Já os espanhóis receberam 100 milhões de euros (R$ 456 milhões) para liberar o jogador de 33 anos.

No Real, o salário de Cristiano Ronaldo era considerado defasado em relação ao de outros ídolos como Neymar e Messi. Na Espanha, o português recebia por ano 21 milhões de euros. Neymar tem ganho de 38 milhões por temporada, enquanto o de Messi chegaria a 55 milhões de euros.

Cristiano Ronaldo deu os primeiros passos na carreira profissional pelo Sporting, de Portugal. Não demorou e acertou a sua transferência para o Manchester United. Depois do êxito na Inglaterra, foi para o Real em 2009, sendo na época a maior transação do futebol, por 80 milhões de libras.

Carta de despedida

Após Real Madrid e Juventus confirmarem a negociação envolvendo Cristiano Ronaldo, o jogador português se pronunciou com uma carta de despedida da equipe espanhola. “Estes anos no Real Madrid e nesta cidade de Madrid foram possivelmente os mais felizes da minha vida. Só tenho sentimentos de enorme agradecimento ao clube, à cidade e aos adeptos. Só posso agradecer o carinho que deles recebi. No entanto, chegou o momento de abrir uma nova etapa na minha vida e por isso pedi ao clube que aceitasse transferir-me. Peço a todos e muito especialmente aos nossos adeptos, que me compreendam. [...] Hala Madrid!”.