Policial

Possível abuso sexual de criança de dois anos em Cmei de Cascavel será investigado pelo Nucria

O menino passou por exames no IML na terça-feira (Foto: Aílton Santos )

O Nucria (Núcleo de Proteção a Criança e Adolescente) de Cascavel recebeu uma denúncia na noite dessa segunda-feira (11), sobre a suspeita do abuso de uma criança de dois anos em um Cmei (Centro Municipal de Educação Infantil) do município. 

A suspeita foi levantada quando a mãe do menino retirou a fralda da criança e percebeu que o ânus do garoto estava machucado e ele reclamava de dor. Preocupada, ela o levou à UPA (Unidade de Prontoatendimento), quando o médico examinou, percebeu que não era um ferimento natural e orientou a mãe a fazer um BO (Boletim de Ocorrência). 

A mãe da criança procurou a 15ª SDP (Subdivisão Policial) e explicou que o menino foi deixado pela manhã no Cmei e foi retirado por volta das 17h. Como não havia um médico de plantão no IML (Instituto Médico Legal), a mãe retornou na manhã dessa terça-feira (12) para exames na criança. 

O caso será investigado pelo Nucria e pela Secretaria de Educação, veja abaixo as notas oficiais sobre o caso: 

NOTA DA POLÍCIA CIVIL À IMPRENSA
 

Caso: Criança Suspeita de Abuso
 
Fato noticiado junto a esta 15ª SDP, na data de ontem (11/02), às 23h08min, uma mãe noticiou que seu filho, dois anos e nove meses, estaria com suspeita de abuso sexual, situação que teria constatado depois que buscou a criança em um Cemei deste Município.
 
A noticia foi devidamente registrada nesta Unidade Policial, sendo a criança encaminhada para exame pericial junto ao IML de Cascavel, já realizado na manhã de hoje, e o caso está sendo investigado pelo Nucria – Núcleo de Proteção a Criança e Adolescente de Cascavel.
 
O Nucria aguarda o resultado do exame pericial, que será consignado em laudo próprio, já estando em contato com a mãe referida para sua oitiva naquela Especializada, em horário ainda a ser definido.
 
Qualquer manifestação neste momento será prematura, de forma que não haverá pronunciamento da Delegada do Nucria até que se tenham maiores informações, especialmente acesso ao laudo pericial.

 

NOTA OFICIAL DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO 

A Secretaria Municipal de Educação, assim que tomou conhecimento da denúncia de suposto abuso de uma criança em um Cmei de Cascavel, prontamente buscou identificar a unidade em que a criança está matriculada e encaminhou uma equipe até lá para ouvir todos os que, direta ou indiretamente, participaram da rotina da criança no dia de ontem (11), inclusive a mãe da criança também foi ouvida. Todos os encaminhamentos possíveis foram feitos nesta terça-feira (12) e agora a Semed aguarda o resultado do laudo do IML para prosseguir com as medidas que se fizerem necessárias.