Geral

Paraná vai colher safra recorde de soja, diz Deral

01/02/2014 às 00:00 - Atualizado em 29/08/2014 às 21:32

O Paraná já iniciou a colheita da safra de grãos de verão 2013/14 com a perspectiva de uma safra recorde de soja. O clima colaborou, os produtores apostaram no grão e o resultado aponta para uma colheita de 16,4 milhões de toneladas, a maior da história do Paraná, superando o volume recorde atingido no ano passado quando foram colhidas 15,83 milhões de toneladas de soja no Estado.

A estimativa é do Deral (Departamento de Economia Rural), da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, que divulgou ontem a pesquisa mensal da safra de grãos no Paraná, referente ao mês de janeiro de 2014. A pesquisa revela que deverão ser colhidas 22,7 milhões de toneladas durante a safra de verão, volume 3% inferior ao mesmo período do ano passado quando foram colhidos 23,5 milhões de toneladas.

A segunda safra de grãos, que já começou a ser plantada no Paraná, deverá acrescer mais 10,8 milhões de toneladas à safra total de grãos plantada no Estado. O Deral prevê colher 10,15 milhões de toneladas de milho, 203 mil toneladas de soja e 518 mil toneladas de feijão.

Segundo o chefe da Divisão de Conjuntura Agropecuária, Marcelo Garrido, por enquanto as lavouras estão se desenvolvendo em boas condições, apesar das altas temperaturas que começam a preocupar. O levantamento de campo realizado pela Seab/Deral aponta uma tendência de crescimento de 2% para a área que está sendo plantada com feijão da segunda safra; em 25% para área a ser plantada com soja da segunda safra e uma redução de 11% para a área plantada com milho durante a segunda safra.